Catorze em cada 100 empregos gerados no RS estão ligados à saúde

04

SETEMBRO, 2018

Notícias

Setor tem registrado diversos investimentos, especialmente no Estado

Catorze em cada 100 empregos com carteira assinada gerados no Rio Grande do Sul são em atividades ligadas à saúde. O levantamento é do economista-chefe da CDL Porto Alegre para a coluna Acerto de Contas. Oscar Frank usou dados do Ministério do Trabalho.

De janeiro a julho, o setor de saúde criou 3.295 empregos com carteira assinada. É 14% do total de vagas geradas no Rio Grande do Sul no período.

– O setor também foi afetado pelo forte da crise em 2015 e 2016. Mas, mesmo nos piores momentos, seguiu criando empregos – acrescenta o economista da CDL.

Em 2015, 2016 e 2017, o Rio Grande do Sul teve extinção de empregos de janeiro a julho, que é a base usada na pesquisa para comparar com 2018. Nestes períodos, no entanto, atividades ligadas à saúde seguiram criando empregos. No ano passado, inclusive, foram mais de 2 mil vagas novas.

O envelhecimento da população é um dos motivos que vem estimulando negócios no setor de saúde no Estado: Novos negócios na saúde movimentam R$ 90 milhões e geram mais de 300 empregos no RS. É uma tendência mundial que ocorre mais rapidamente no Rio Grande do Sul, onde 17,6% dos habitantes têm mais de 60 anos. Em 2060, esse percentual tende a dobrar, alcançando mais de um terço da população.

– A expectativa de vida do gaúcho é de 78,3 anos. Em 40 anos, atingirá 84 anos – acrescenta o economista-chefe da CDL Porto Alegre, Oscar Frank.

 

*Fonte: Site GZH