CDL POA apoia projeto das câmeras colaborativas para potencializar segurança da Capital

13

JUNHO, 2018

Notícias

Durante a participação do Secretário Municipal de Segurança (SMSEG), coronel Kleber Senisse, na reunião de Diretoria da Câmara de Dirigentes Lojistas de Porto Alegre (CDL POA) dessa segunda-feira (11), a entidade mostrou-se interessada em aderir ao programa de monitoramento colaborativo que está sendo implementado na Capital.

“Precisamos de uma maior integração entre poder o público e a sociedade para garantir a o bem-estar da população. A CDL POA se coloca à disposição para contribuir, a fim de que esta ação traga a tranquilidade que os cidadãos precisam para circular pelas ruas da cidade e, assim, movimentar o comércio e a economia da Capital”, salienta o presidente da CDL POA, Alcides Debus.

O projeto consiste em um convênio com a iniciativa privada, no qual pessoas jurídicas autorizam que suas câmeras particulares sejam interligadas ao sistema compartilhado do Centro Integrado de Comando da Cidade de Porto Alegre (CEIC), da Brigada Militar (BM), da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) e da Guarda Municipal, provendo o cerco eletrônico em toda a cidade. De acordo com o secretário, o sistema deve entrar em operação em 30 dias.

“O nosso objetivo é empreender um sistema de segurança pública com ênfase na tecnologia de informação analítica. Então, se juntarmos as câmeras particulares às 1,2 mil já observadas pelo CEIC, iremos potencializar a nossa capacidade de fiscalização”, destaca o secretário.