Liquida Porto Alegre começa nesta sexta-feira (14), saiba como aproveitar as promoções

14

FEVEREIRO, 2020

Notícias

Consultores dão dicas para fazer as compras sem cair no endividamento.

Tradicional período de ofertas da Capital, o Liquida Porto Alegre começa nesta sexta-feira (14) e promete descontos de até 70% no comércio de rua e nos shoppings. Apesar das promoções, é preciso estar atento para não acabar se endividando. As promoções estarão disponíveis na Capital ao longo de 10 dias em fevereiro – até o dia 22.

A consultora financeira Camila Bavaresco avalia que o Liquida é uma boa oportunidade para compras planejadas, como eletrodoméstico e eletrônicos, quando as pessoas acompanham os preços há mais tempo e conseguem avaliar a qualidade do negócio. Ela destaca ainda que comércio de vestuário costuma ter boas promoções no período, o que também é um risco para compras por impulso.

– A primeira análise que o consumidor deve fazer é se o negócio vale a pena, comparando preços, e depois terá de calcular se o valor cabe no orçamento. É importante evitar endividamento com uma compra que não é essencial – recomenda a consultora.

A data específica do início da promoção e detalhes serão divulgados na manhã desta quinta-feira (13), em evento de lançamento, no entanto já se sabe que a participação de lojistas em 2020 será a maior das 24 edições do evento – no ano passado, foram 4,5 mil adesões.

– Há um otimismo grande entre os comerciantes e consumidores em razão das expectativas positivas com a economia – afirma Irio Piva, presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Porto Alegre (CDL POA), realizadora do evento.

Uma novidade nesta edição é a participação maciça do setor de serviços, com promoções em bares, restaurantes, salões de beleza e concessionárias de veículos, por exemplo. Uma das principais preocupações da CDL POA é garantir que os descontos anunciados serão verdadeiros, evitando, por exemplo, contaminação da má fama que a Black Friday recebeu em edições anteriores.

– Isso é fundamental para a credibilidade ao evento e para que os lojistas aproveitem o Liquida para fidelizar seus clientes – reforça Piva.

Para isso, a CDL POA tem enviado material explicativo aos lojistas e movimentado uma campanha junto aos novos participantes. Também irá estimular os consumidores a acessarem o site da promoção para contatar os organizadores.

– Temos tudo para ter um volume de vendas acima ao do ano passado, inclusive com setores vendendo mais do que o período de Natal, como móveis e colchões – afirma o dirigente.

Sete dicas para fazer bons negócios neste Liquida Porto Alegre

Ainda que encontre uma promoção tentadora, não deixe de pesquisar em outras lojas. Aproveite a briga de preços para barganhar entre concorrentes, o que, quem sabe, possa render desconto ainda maior ou um brinde.

O Liquida pode ser uma ocasião para garantir um “estoque” de presentes para o primeiro semestre. Aproveite os descontos para comprar lembranças para aniversários de criança ou de colegas de trabalho, por exemplo, em que os presentes possam ser mais impessoais.

Antes de aproveitar um desconto anunciado, verifique em sites de acompanhamento de preços se os valores são realmente vantajosos. Os portais Buscapé e JáCotei comparam preços entre diferentes lojas e apresentam um histórico de até 12 meses.

A internet é uma boa ferramenta de pesquisa de preços mesmo quando a compra é presencial, pois pode indicar onde é mais vantajoso fazer a encomenda. Os sites costumam ter preços mais baixos, mas as lojas físicas trazem a vantagem de ver o produto de perto, experimentar e levar para casa na hora.

Se não houver vantagem pelo pagamento à vista, o parcelamento pode ser uma boa opção, principalmente para itens mais caros, como eletrodomésticos e eletroeletrônicos. Pagando em várias vezes, se reduz o risco de esgotar todo orçamento do mês em consumo.

Não é demais lembrar: guarde os recibos e as notas fiscais de tudo o que comprar para o caso de precisar trocar. No afã de aproveitar as ofertas, é maior a possibilidade de escolher o tamanho errado ou se arrepender de alguma compra.

Observe seus direitos ao fazer a compra. Mesmo com desconto, lojistas não podem fazer venda casada, quando condiciona a aquisição a outro produto ou serviço. Além disso, a troca é obrigatória apenas quando o produto apresentar defeito (cor ou tamanho não são defeitos e não obrigam o fornecedor a trocar).

Fonte: Site GZH