fbpx

Notícias CDL POA

Estudo da CDL POA mostra o que realmente importa neste natal para os porto-alegrenses

Estudo da CDL POA mostra o que realmente importa neste natal para os porto-alegrenses 13 DEZEMBRO, 2019 Notícias Atendimento, presente prefeito, valor acessível, brindes e um ambiente positivo. Os porto-alegrenses vêm mudando seus hábitos de consumo e definindo novas...

Cai o número de consumidores que usarão o 13º salário para pagar dívidas

Cai o número de consumidores que usarão o 13º salário para pagar dívidas 12 DEZEMBRO, 2019 Notícias Os dados foram apurados em pesquisa anual realizada com cerca de 1.300 pessoas em todo o paísDiminui o percentual de consumidores, com direito ao 13º salário, que irão...

8 formas de economizar nas festas de fim de ano

8 formas de economizar nas festas de fim de ano 11 DEZEMBRO, 2019 Notícias O fim de ano chegou, e os gastos dessa época não se resumem à compra de presentes de Natal para familiares e amigos, viagens e compra de roupas novas para as festas. Geralmente os consumidores...

COLUNA DO ECONOMISTA

OSCAR FRANK

Confira análises do Economista-Chefe da CDL POA.

ESPAÇO DOS ESPECIALISTAS

Dicas de profissionais
para o varejo

JOSÉ ROBERTO RESENDE
Empresário e Investidor

Abertas inscrições para certificação Loja Sustentável

Empresas preocupadas com a preservação ambiental e que adotem processos de sustentabilidade podem inscrever ações no programa A certificação Loja Sustentável, promovida pela CDL Porto Alegre, chega à 3ª edição e as empresas interessadas podem fazer suas inscrições. O objetivo é instigar a adoção de práticas sustentáveis no setor varejista e dar reconhecimento às iniciativas espontâneas provenientes do segmento empresarial que objetivam instituir um maior equilíbrio entre desenvolvimento socioeconômico e meio ambiente. Essas iniciativas podem incluir, por exemplo, desde boas práticas de utilização de insumos (economia de água, papel, energia elétrica e etc.) até a educação ambiental dos colaboradores. “A sustentabilidade é um dos assuntos mais em voga atualmente. Os consumidores estão atentos a esse tema e têm buscado, cada vez mais, por empresas ecologicamente corretas. Dentro deste cenário mundial de consciência coletiva, lançamos esta certificação para o varejo”, afirma a vice-presidente de Sustentabilidade e Relações Políticas da CDL Porto Alegre, Nilva Bellenzier. A CDL Porto Alegre irá eleger, com parceria técnica da EDS Engenharia e Desenvolvimento Sustentável, as melhores práticas com a Certificação Loja Sustentável. Os estabelecimentos com classificação igual ou superior a “satisfatório” receberão o selo “Loja Sustentável 2014”. A loja que mais se destacar receberá o Troféu Loja Sustentável e todos terão assessoria técnica pós-projeto para o desenvolvimento de melhorias do mesmo. Podem participar lojas associadas à CDL Porto Alegre que estejam em dia com suas obrigações fiscais, previdenciárias e trabalhistas e que tenham, no mínimo, seis meses de existência. Não associados da CDL poderão fazer uma associação especial para participar da certificação. Todas as informações sobre o programa e a ficha de inscrição podem ser encontradas no site www.cdlpoa.com.br/lojasustentavel. Informações para lojistas podem ser adquiridas pelo telefone 3017-8000.

Dia dos Namorados não resiste a jogos da Copa

As vendas no varejo na semana que antecede o Dia dos Namorados (de 6 a 12 de junho) cresceram 0,5% na comparação com a mesma semana do ano passado, segundo o Indicador Serasa Experian de Atividade do Comércio – Dia dos Namorados 2014. Esse foi o resultado mais fraco do varejo para a data comemorativa desde o ano de 2009. Apesar da tendência de desaceleração, o incremento nas vendas foi mais expressivo em 2010 (10,9%), 2011 (8,6%), 2012 (5,2%), 2013 (4,4%). Em 2009, houve queda de 1,7%. De acordo com a Serasa, somente no final de semana antes do dia 12 (de 6 a 8 de junho), as vendas subiram 1% em relação ao fim de semana equivalente de 2013.Na capital paulista, o movimento foi contrário. Houve retração de 0,6% nas vendas durante a semana e de 1,7% durante o final de semana. Na avaliação dos economistas da Serasa Experian, um dos fatores que influenciaram negativamente o setor foi a coincidência da data com a abertura da Copa do Mundo. Além disso, dizem, o fraco desempenho das vendas dos Dias dos Namorados em 2014 reflete também o encarecimento do crédito, o baixo grau de confiança dos brasileiros e a inflação em patamar elevado, o que reduz o poder de compra dos consumidores. Já a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) apontou que as vendas no comércio na semana anterior ao Dia dos Namorados caíram 8,63% em relação ao mesmo período do ano passado. Os dados divulgados pela entidade confirmam que esse foi o pior resultado para a data nos últimos cinco anos. Em 2013, o movimento do comércio no período cresceu 7,7% em relação ao ano anterior. O indicador é extraído do banco de dados do SPC Brasil. A forte queda surpreendeu até mesmo os lojistas mais pessimistas, que já esperavam um desempenho fraco. “O comércio já tinha sofrido com resultados historicamente ruins neste ano com as vendas da Páscoa e do Dia das Mães, mas uma queda tão expressiva, de 8,63%, era algo que não estava nas nossas expectativas”, disse o presidente da CNDL, Roque Pellizzaro Junior, por meio de nota divulgada pela entidade. A avaliação de Pellizzaro é de que o atual cenário de aperto monetário e de inflação alta tem prejudicado as vendas a prazo. “Além de todo esse contexto econômico, a abertura da Copa no dia 12 concorreu com o Dia dos Namorados e, de certa forma, contribuiu para essa queda. É natural que haja um redirecionamento de gastos, ou seja, parte do que ia ser investido no presente e nos encontros românticos foi gasto com comemorações em grupo para a Copa”, avalia o presidente da CNDL. Segundo a CNDL, o Dia dos Namorados é a terceira data mais lucrativa para o comércio, perdendo apenas para o Natal e o Dia das Mães. Na Capital, faturamento ficou abaixo do esperado O comércio de Porto Alegre faturou R$ 69 milhões com as vendas de Dia dos Namorados, incremento de 4,3% em relação ao mesmo período do ano passado, abaixo do esperado pelos empresários do setor. O levantamento realizado pela CDL Porto Alegre e Sindilojas Porto Alegre mostra que as vendas foram prejudicadas pela redução no horário de funcionamento das lojas em virtude da coincidência da data com o início da Copa do Mundo. “O desempenho abaixo do esperado foi causado pelo fechamento das lojas no horário do jogo do Brasil, desviando as atenções da data em virtude da Copa”, comentou o presidente da CDL Porto Alegre, Gustavo Schifino. Para o presidente do Sindilojas Porto Alegre, Paulo Kruse, o resultado não reflete a expectativa inicial para o Dia dos Namorados. “Apesar do preparo do comércio, a Copa do Mundo atraiu as atenções e expectativas do consumidor”, afirmou. Inadimplentes têm entre 21 e 40 anos A faixa etária de 21 a 40 anos concentra o maior percentual de inadimplentes, com 4,67% do total tendo algum cheque devolvido em maio, segundo dados da Telecheque. De acordo com o diretor de crédito e risco da instituição, Walter Alfieri, “os jovens que constituem a geração Y querem novidades tecnológicas, são ambiciosos e buscam através dos bens se destacar e dizer quem são”. Essas características, segundo ele, os levam a consumir produtos e serviços de maior valor agregado, tais como automóveis, motos, viagens, além de cursos de aprimoramento profissional. De acordo com o especialista, nesses segmentos, o cheque é um dos meios de pagamento mais utilizados. Ainda segundo a Telecheque, a segunda faixa etária que reuniu maior percentual de cheques devolvidos foi a que compreende pessoas entre 41 e 50 anos, considerada a geração X pela instituição, com 2,97%.

Curso sobre técnicas de atendimento

Em 26 de junho, das 19h15min às 22h15min, a Câmara de Dirigentes Lojistas de Porto Alegre (CDL) realiza o workshop Atendimento excelente: Conquistando clientes. A capacitação tem o objetivo de desenvolver técnicas para aperfeiçoar o atendimento como diferencial competitivo, por meio de postura e comunicação adequadas no relacionamento com clientes. O curso pretende abordar erros básicos, os momentos do atendimento, características do vendedor e perfis de clientes. A palestra acontece no Instituto CDL, localizado na rua Senhor dos Passos, nº 235. Mais informações pelo telefone (51) 3017-8080.

Vendas do Dia dos Namorados caem 8,63%

A s vendas na semana que antecedeu o Dia dos Namorados, celebrado em 12 de junho, registraram o pior resultado dos últimos cinco anos, segundo dados do Serviço de Proteção ao Crédito divulgados ontem pela CND (Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas). Entre o período dos dias 5 e 11 deste mês, a queda foi de 8,63% ante o mesmo período do ano passado, percentual que surpreendeu até os lojistas mais pessimistas. “O comércio já tinha sofrido com resultados historicamente ruins neste ano com as vendas da Páscoa e do Dia das Mães, mas uma baixa tão expressiva era algo que não estava nas nossas expectativas”, afirmou o presidente da CNDL, Roque Pellizzaro Junior, em comunicado. Para o executivo, não há dúvidas de que o atual cenário de aperto monetário e de inflação elevada tem prejudicado as vendas parceladas. ‘Além de todo esse contexto econômico, a abertura da Copa do Mundo no dia 12 concorreu com o Dia dos Namorados e, de certa forma, contribuiu com esta queda. É natural que haja um redirecionamento de gastos, ou seja, parte do que ia ser investido no presente e nos encontros românticos foi gasto com comemorações em grupo para o Mundial”, disse. O Dia dos Namorados é a terceira data mais lucrativa para o comércio, ficando atrás somente do Natal e do Dia das Mães, de acordo com informações da entidade responsável. Os produtos mais procurados nas lojas durante a data român tica são itens de vestuário, calçados, perfumaria, floricultura, joias e bijuterias. PORTO ALEGRE — O Dia dos Namorados teve um volume de vendas abaixo do esperado no comércio de Porto Alegre. O aumento nominal foi de 4,3%, com total de 69 milhões de reais injetados no varejo. O levantamento da CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas) Porto Alegre e Sindilojas Porto Alegre mostrou que as vendas foram prejudicadas pelo horário de funcionamento das lojas em função da coincidência com o início da Copa do Mundo. “O desempenho abaixo do esperado foi causado pelo fechamento das lojas no horário do jogo do Brasil, desviando as atenções da data em virtude da Copa”, disse o presidente da CDL Porto Alegre, Gustavo Schifino. Para o presidente do Sindilojas Porto Alegre, Paulo Kruse, o resultado não refletiu a expectativa inicial. “Apesar do preparo do comércio, a Copa do Mundo atraiu as atenções e expectativas do consumidor. As manifestações prometidas para esta semana também causaram insegurança na população, o que inibiu o consumo, principalmente na região central da cidade”, declarou.

Início da Copa do Mundo faz vendas do Dia dos Namorados ficarem abaixo do esperado na Capital

O Dia dos Namorados teve um volume de vendas abaixo do esperado no comércio da Capital. O aumento nominal foi de 4,3%, com total de R$ 69 milhões injetados no varejo. O levantamento realizado pela CDL Porto Alegre e Sindilojas Porto Alegre mostra que as vendas foram prejudicadas pela redução no horário de funcionamento das lojas em virtude da coincidência da data com o início da Copa do Mundo.  “O Desempenho abaixo do esperado foi causado pelo fechamento das lojas no horário do jogo do Brasil, desviando as atenções da data em virtude da Copa”, comentou o presidente da CDL Porto Alegre, Gustavo Schifino. “O Dia dos Namorados é a terceira principal data do varejo e, infelizmente o desempenho foi negativo em relação ao ano passado”, afirma Schifino. Para o presidente do Sindilojas Porto Alegre, Paulo Kruse, o resultado não reflete a expectativa inicial para o Dia dos Namorados. “Apesar do preparo do comércio para a data, a Copa do Mundo atraiu as atenções e expectativas do consumidor. As manifestações prometidas para esta semana também causaram insegurança na população, o que inibiu o consumo, principalmente na região central da cidade”, diz. No mês de maio, a CDL Porto Alegre e o Sindilojas Porto Alegre divulgaram os resultados da pesquisa de intenção de compras para a data. O Instituto Methodus ouviu 400 pessoas de ambos os sexos, de 18 anos ou mais, e diferentes classes sociais, residentes na Capital.

Instituto CDL realiza workshop sobre liderança

Na segunda-feira, 16, o Instituto CDL oferece o workshop para possibilitar a reflexão sobre o papel exercido por um líder e contribuição para o desenvolvimento de cada integrante de uma equipe. A capacitação será ministrada por Ewerton Reis, administrador, pós-graduado em Gestão Empresarial e mestre em administração e negócios com ênfase em marketing. As aulas serão realizadas das 19h15min, às 22h15min, na sede da CDL Porto Alegre, na Rua Senhor dos Passos, nº 235. Durante o encontro na sede da CDL Porto Alegre, na Rua Senhor dos Passos, nº 235, serão abordados temas como motivação, atitudes básicas fazem muita diferença, comunicação nas relações, empatia, administração de conflitos, definição de objetivos e estabelecimento de metas, delegação e confiança. Informações adicionais e inscrições podem ser solicitadas através do email: institutocdl@institutocdl.org.br ou pelo telefone (51) 3017.8080. Curta a página no Facebook e fique sabendo das novidades do Instituto CDL.

Ruas demoram a se render ao apelo da Copa

A dona de casa que em tempos de Copa do Mundo atua na posição de ambulante nas esquinas de ruas da Capital Tania Vasconcelos Soares não gostou do que ouviu de um motorista que acabava de comprar uma bandeirinha do Brasil. “Ele disse que se o Brasil perder vai queimar a bandeira”, conta a mulher, que vende produtos temáticos em época da competição desde a edição de 1982. “O Brasil vai ganhar este ano”, rebateu a ambulante para afugentar maus presságios. Ela lembra até hoje de ter chorado, mesmo de plantão na avenida Assis Brasil para vender os materiais, após a eliminação da seleção na Copa da Espanha na semifinal. Na rua, a venda começou na quarta-feira e ainda está um pouco parada, definiu Tania. A ambulante explica que a saída de produtos cresce à medida que a competição avança. Melhor se a seleção vencer. “Daí, todo mundo vai querer comprar”, aposta a vendedora. No primeiro dia, Tania vendeu R$ 200,00 e ganhou R$ 70,00 de lucro. Óculos temáticos em forma do ano 2014 atraem o interesse de potenciais compradores como a analista financeira Caren Nunes. “Comprei bandeira e chapéu em outro local. Achei meio caro na rua”, conferiu Caren. Queixas de preços são lançadas pelos motoristas, enquanto outros compram algum item. “É sempre assim, mas quanto vier outro jogo começa a loucura para ter produtos”, reage a ambulante, que garante que não faltará os mais procurados. O ponto é abastecido por um atravessador que traz produtos de São Paulo e distribui a ambulantes em diversos pontos da cidade. O Mundial não colaborou com tudo que se previa em potencial de vendas e ainda acabou frustrando a venda do Dia dos Namorados nesta quinta-feira. Foi a percepção da direção da Câmara de Dirigentes Lojistas de Porto Alegre (CDL-POA), que estimou em R$ 69 milhões a movimentação de presentes com a data. O faturamento cresceu 4,5% nominais e ficou negativo se descontada a inflação, frente á data de 2013. “O volume ficou abaixo do esperado”, concluiu o presidente da entidade, Gustavo Schifino. CDL-POA e Sindilojas Porto Alegre, que fizeram levantamento conjunto, atestaram que as vendas foram prejudicadas pela redução no horário de funcionamento das lojas. O comércio fechou mais cedo devido ao início da Copa, com a estreia do Brasil. “Acabou desviando as atenções do Dia dos Namorados, terceira data promocional em vendas”, lamentou o presidente da CDL-POA. O presidente do Sindilojas, Paulo Kruse, afirmou que o resultado não reflete movimento da data e reforçou que o futebol concentrou o interesse. “Manifestações causaram insegurança e inibiram o consumo”, acrescentou Kruse. Protestos ocorreram na tarde dessa quinta- feira na zona central. Falta de entusiasmo se espalha no setor, apontou o Índice de Confiança do Empresário do Comércio do Rio Grande do Sul (Icec-RS), apurado pela Fecomércio-RS. A entidade lembrou que a Copa do Mundo não mexeu no nível de otimismo dos empresários do setor. O índice atingiu em maio 113,5 pontos, queda de 8,1% em relação a maio do ano passado. Na mesma base de comparação, também apresentaram recuo os seguintes indicadores que formam o estudo: condições atuais (-19,1%) e expectativas (-6,5%). O indicador de investimentos permaneceu estável. O ano é marcado pela redução moderada da confiança. “A opinião é influenciada pela inflação relativamente elevada, alta dos juros e crescimento abaixo das expectativas”, atribuiu o presidente da Fecomércio-RS, Zildo De Marchi.

Pela metade

A presidente em exercício da Federasul, Simone Leite, e o presidente do CDL de Porto Alegre, Gustavo Schifino, reuniram-se com a senadora Ana Amélia Lemos (PP) para tratar da Lei do Supersimples que tramita no Senado. Há três problemas que precisam ser mais discutidos, diz Simone. A impossibilidade dos estados de cobrar a diferença de alíquota, a ampliação da faixa para R$ 5 milhões e um enquadramento mais adequado dos prestadores de serviço. Até agora a lei contemplou, mas não agradou.

Pesquisa Dia dos Namorados

Pesquisa da CDL Porto Alegre e Sindilojas Porto Alegre aponta que as vendas no Dia dos Namorados foram fracas em função da abertura da Copa. O percentual foi de 4,3% (com R$ 69 milhões injetados no varejo), abaixo dos 6,5% esperados.