RECRIE O VAREJO: Saiba como sobreviver à pandemia apostando em tecnologia e vendas online

06

MAIO, 2020

Notícias

Grupo Reserva investe em tecnologia e inteligência artificial para fazer o negócio rodar mesmo durante a crise do coronavírus. Para isso, intensificou as vendas online, aumentou o contato com o cliente, flexibilizou pagamentos a parceiras, e propiciou novos empregos.

Veja o passo a passo deste processo:

 

CONHEÇA A EMPRESA

>> Grupo Reserva

Características do negócio
– Setor de vestuário
– Lojas de rua e de shopping
– Grande Porte

Problema
Como fazer a rede de lojas continuar vendendo e prestar suporte às multimarcas parceiras durante a pandemia?

 

PLANO DE AÇÃO

Passo 1: Reorganizou a operação após a queda do faturamento em 70% com o fechamento do comércio.

Passo 2: Intensificou as ações para vendas online e, já no primeiro mês das lojas fechadas, atingiu 30% do faturamento total habitual. No segundo mês, alcançou 40%.

Passo 3: Plugou os 500 vendedores da rede à plataforma própria de inteligência artificial ‘Now’, onde está cadastrada toda a base de clientes com dados detalhados sobre o seu perfil de compra, possibilitando maior interação.

Passo 4: Criou um plano de parcelamento de dívidas para os 50 franqueados e as 1,5 mil lojas multimarcas parceiras. Permitiu, também, que essas empresas conectassem seus sites ao estoque online do Grupo, assim como à plataforma Now, ampliando as possibilidades de vendas.

Passo 5: Abriu a escola de soft skills da Reserva, chamada Escola de Rebeldia, originalmente presencial e exclusiva para funcionários, para o acesso de todo o ecossistema do Grupo, de forma online.

Passo 6: Para minimizar os impactos da pandemia, está estruturando uma plataforma para vendedores afiliados indicados pelos funcionários, que poderão comercializar online os produtos da marca com comissão de 10%. O cadastro de afiliados já soma mais de cinco mil interessados.

 

RESULTADOS

As vendas digitais estão crescendo 200%. Segundo o CEO e cofundador do Grupo, Rony Meisler, “o resultado ainda está longe da venda com as lojas abertas, mas cada vez mais próximo”. Todos os esforços permitiram incremento de vendas, mesmo durante a pandemia, e uma melhora significativa no relacionamento com o cliente. “A crise também traz algumas certezas. Sempre fomos um retail tech, mas agora está ficando claro qual é o nosso modelo de negócios. Estamos usando tecnologia para escalar potencial humano”, explica o empresário.

 

Grupo Reserva
Com as marcas Reserva, Reserva Mini, Ahlma, Oficina Reserva e Eva, conquistou mais de 110 lojas (das quais, 50 franqueadas) e distribuição em 1,5 mil multimarcas.

 

 

___________________________________________________

A CDL Porto Alegre reafirma seu compromisso em acolher as necessidades dos varejistas, auxiliando-os a transpor os entraves da disseminação do coronavírus. A Entidade tem a convicção de que a unidade do setor fará grande diferença neste momento tão delicado e de apreensão para todos. Com a atenção e a disponibilidade de cada empresário, para fazer a sua parte, o setor sairá ainda mais forte desta crise.